Comentários para o Evangelho do Dia

A partir de agora o Evangelho do Dia bem como os comentários para o evangelho, serão postados diretos em nosso site, é só clicar no link abaixo e você irá direto para ele: http://www.discipulosdamaededeus.com.br/evangelho/

sexta-feira, 31 de julho de 2009

Evangelho de hoje - Mateus 13, 54-58

Ave Maria,

54Foi para a sua cidade e ensinava na sinagoga, de modo que todos diziam admirados: Donde lhe vem esta sabedoria e esta força miraculosa? 55Não é este o filho do carpinteiro? Não é Maria sua mãe? Não são seus irmãos Tiago, José, Simão e Judas? 56E suas irmãs, não vivem todas entre nós? Donde lhe vem, pois, tudo isso? 57E não sabiam o que dizer dele. Disse-lhes, porém, Jesus: É só em sua pátria e em sua família que um profeta é menosprezado. 58E, por causa da falta de confiança deles, operou ali poucos milagres.

Santa Maria.

Partilhando o Evangelho com a Virgem Maria

Ave Maria,

O Evangelho de hoje mostra que Jesus não foi bem aceito em sua comunidade. Ele mesmo diz que um profeta só não é bem aceito entre os seus. E é isso mesmo, pois em nossa própria comunidade muitas vezes nós gostamos mais das pessoas que vem de fora falando que vão fazer algo em nosso favor, quando muitas vezes estão apenas nos enganando em troca de fama por exemplo, e agente nem consegue enxergar nossos próprios vizinhos que fazem tanto bem a nossa comunidade em troca de nada, e nós nem percebemos, só porque eles convivem diariamente com agente.

Infelizmente nós seres humanos temos algo que é atraído sempre por aquilo que é novidade. Se você que é de alguma comunidade e não tem conseguido desenvolver o seu trabalho por causa da não credibilidade em suas ideias, fique tranquilo, com Jesus também foi assim imagine com você!

Meus queridos filhos e filhas da Virgem Maria, hoje é dia da Profunda Humildade (PHS), rezemos a Nossa Senhora a qual no Evangelho de hoje em primeira vista parece ter sido humilhada, pois, seus próprios vizinhos achavam que Jesus por ser Filho dela era um "João Ninguém". Entretanto, ela foi e muito exaltada neste Evangelho, pois, como também diz na Sagrada Escritura os últimos serão os primeiros e quem se humilha será exaltado. Foi o que aconteceu com ela neste Evangelho. Assim, peçamos a sua intercessão para que possamos bem praticar a virtude de hoje!

Santa Maria.

quinta-feira, 30 de julho de 2009

Evangelho de hoje - Mateus 13,47-53

Ave Maria,

Naquele tempo, disse Jesus à multidão: 47“O Reino dos Céus é ainda como uma rede lançada ao mar e que apanha peixes de todo tipo. 48Quando está cheia, os pescadores puxam a rede para a praia, sentam-se e recolhem os peixes bons em cestos e jogam fora os que não prestam. 49Assim acontecerá no fim dos tempos: os anjos virão para separar os homens maus dos que são justos, 50e lançarão os maus na fornalha de fogo. E aí, haverá choro e ranger de dentes. 51Com­preendestes tudo isso?” Eles responderam: “Sim”. 52Então Jesus acrescentou: “Assim, pois, todo mestre da Lei, que se torna discípulo do Reino dos Céus, é como um pai de família que tira do seu tesouro coisas novas e velhas”. 53Quando Jesus terminou de contar essas parábolas, partiu dali.

Santa Maria.

Partilhando o Evangelho com a Virgem Maria

Ave Maria,

No Evangelho de hoje Jesus continua sua catequese sobre como é o Reino de Deus. E assim, Ele mostra que no fim dos tempos seremos separados conforme o que fomos ao longo de nossas vidas. Pois, Jesus é misericordioso, porém, isso não nos dá o direito de permanecermos em nosso comodismo de "católico de IBGE", muito pelo contrário, temos sim que buscar a cada dia sermos separados para o Reino de Deus.

Meus queridos filhos e filhas da Virgem Maria, no final dos tempos esses anjos de que o Evangelho fala hoje, estarão aqui todos juntos com a Mãe de Deus. E todos eles serão justamente guiados por ela para separarem os seus prediletos. Agora te pergunto: você quer ou não pertencer ao grupo daqueles escolhidos por Maria Santíssima? Pois, se ela é a Rainha dos Anjos, com certeza eles vão separar para o Reino de Deus, apenas aqueles que ela mandar! Perseveremos todos para estarmos entre os escolhidos da Santa Mãe de Deus! Assim seja!

Hoje é dia da Virtude Sabedoria Divina (PHS). Rezemos a Virgem Maria pedindo sua intercessão para que ao longo deste dia possamos bem praticar esta virtude, buscando sempre sermos sábios o suficiente para estarmos entre os escolhidos de Deus.

Santa Maria.

quarta-feira, 29 de julho de 2009

Evangelho de hoje - João 11, 19-27

Ave Maria,

Naquele tempo, 19muitos judeus tinham vindo à casa de Marta e Maria para as consolar por causa do irmão. 20Quando Marta soube que Jesus tinha chegado, foi ao encontro dele. Maria ficou sentada em casa. 21Então Marta disse a Jesus: “Senhor, se tivesses estado aqui, meu irmão não teria morrido. 22Mas mesmo assim, eu sei que o que pedires a Deus, ele te concederá”. 23Respondeu-lhe Jesus: “Teu irmão ressuscitará”. 24Disse Marta: “Eu sei que ele ressuscitará na ressurreição, no último dia”.25Então Jesus disse: “Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, mesmo que morra, viverá. 26E todo aquele que vive e crê em mim, não morrerá jamais. Crês isto?” 27Respondeu ela: “Sim, Senhor, eu creio firmemente que tu és o Messias, o Filho de Deus, que devia vir ao mundo”.

Santa Maria.

Partilhando o Evangelho com a Virgem Maria

Ave Maria,

A Boa Nova de hoje nos mostra a confiança que Marta teve em Jesus. Ela realmente acreditava que Cristo era o Messias e que todos nós vamos ressuscitar no ultimo dia. Por outro, Jesus lhe mostra que todo aquele que realmente acreditar que Ele é o Messias, não só ressuscitará no ultimo dia, mas não morrerá jamais.

Meus queridos filhos e filhas da Virgem Maria, onde será que Nossa Senhora estava nesta hora?
Nós não sabemos, porém, uma coisa dá para imaginarmos! Jesus com certeza veio a casa de Marta, Maria e Lázaro a pedido de sua Mãe, pois, muito embora eles fossem parentes, Jesus tinha muitas coisas a fazer, muitas pessoas imploravam a presença Dele em suas casas. Foi preciso que a Virgem Maria ficasse sabendo da aflição daquela família, e assim intercedesse para que seu Filho se adiantasse e deixasse tudo o que estava fazendo para ir até a casa deles para confortá-los, pois ela sabe que Ele tudo pode. E assim foi feito graças a intercessão da Mãe de Deus.

Tenhamos confiança no poder que Nossa Senhora tem junto a Jesus e com certeza você também não morrerá jamais, pois, quem crer na intercessão da Virgem Maria, é porque tem a certeza de que realmente Cristo agirá em sua vida! Assim Seja!

Hoje devemos exercitar a Virtude Doçura Angélica (PHS). Essa Virtude é um tanto quanto difícil para algumas pessoas, entretanto, ela deixará de ser difícil a partir do momento em que Nossa Senhora viver em você. Isso tem ocorrido em sua vida? Sim, porque se a Virgem Maria não viver de fato em você, jamais conseguirás praticar esta Virtude, porém te digo: peça a ajuda desta tão doce Mãe e você perceberá que com ela tudo ficará mais fácil, até praticar esta Virtude que para muitos é quase impossível.
Santa Maria.

terça-feira, 28 de julho de 2009

Evangelho de hoje - Mateus 13,36-43

Ave Maria,

Naquele tempo, 36Jesus deixou as multidões e foi para casa. Seus discípulos aproximaram-se dele e disseram: “Explica-nos a parábola do joio!” 37Jesus respondeu: “Aquele que semeia a boa semente é o Filho do Homem. 38O campo é o mundo. A boa semente são os que pertencem ao Reino. O joio são os que pertencem ao Maligno. 39O inimigo que semeou o joio é o diabo. A colheita é o fim dos tempos. Os ceifadores são os anjos. 40Como o joio é recolhido e queimado ao fogo, assim também acontecerá no fim dos tempos: 41O Filho do Homem enviará os seus anjos e eles retirarão do seu Reino todos os que fazem outros pecar e os que praticam o mal; 42e depois os lançarão na fornalha de fogo. Ali haverá choro e ranger de dentes. 43Então os justos brilharão como o sol no Reino de seu Pai. Quem tem ouvidos, ouça”.

Santa Maria.

Partilhando o Evangelho com a Virgem Maria

Ave Maria,

Jesus hoje é muito claro em seu ensinamento. Todo aquele que não se converter será lançado no fogo do inferno. Porém, os filhos prediletos de Nossa Senhora jamais iram para o fogo do inferno, pois ela não deixará, ela os protegerá contra as forças do maligno. Mas para que isso realmente aconteça em sua vida, será necessário que você se consagre a ela, será necessário que você se deixe conduzir por ela. E ainda te digo: não penses que este se consagrar é um passe de mágica, não é, porém, é o primeiro passo para todo aquele que verdadeiramente deseja entrar na vida eterna. Do contrário, provavelmente tu já estarás condenado.

Meus queridos filhos e filhas da Virgem Maria, vamos juntos praticar hoje a Virtude Paciência Heróica (PHS). Sei que é muito difícil em alguns momentos exercitarmos esta virtude, porém vos digo, todo aquele que realmente quiser entrar no Reino de Deus, terá obrigatoriamente que bem praticar esta virtude. Pois, de que adianta eu dizer que amo a Deus se não tenho paciência com meu irmão?

Santa Maria.

segunda-feira, 27 de julho de 2009

O Papa Pio XII canoniza Catarina Labouré, diante de 10.000 filhos de Maria, trajados de branco

Ave Maria,

Será que o que nos deixa admirados, diante na vida de Catarina, a vidente da Rua du Bac, irmãzinha dos pobres e dos doentes, seriam as aparições, com seu prestígio e seus frutos? Não seria, talvez, por constatarmos o dedicado serviço que ela prestava aos pobres, "meus mestres" como os chamava, seguindo o exemplo de São Vicente de Paula? Ela soube ir até eles, empobrecendo-se a si mesma. Guardava suas roupas e pertences junto aos dos miseráveis: seus remendos diligentes, tratados com impecável limpeza, dizem os testemunhos... Ela não tinha qualquer complexo. Ousava falar de Deus àqueles a quem oferecia ajuda e socorro. Oferecer Deus e oferecer o pão, oferecer Nosso Senhor e dedicar a sua afeição àqueles que sofriam, eram atitudes que chegavam unidas, e que vinham de um mesmo coração. Como Bernadete, a jovem decepcionava aqueles que pretendiam uma vidente mais inclinada ao misticismo. O "misticismo" de Catarina era a simplicidade, segundo o Evangelho; era a transparência. Nela, em plena aurora do século XIX, o Espírito Santo começava a formar, para os novos tempos, um novo tipo de santidade, recolhido nas fontes do Evangelho: uma santidade sem sucesso nem triunfos humanos.

René Laurentin, Vida de Catarina Labouré

Santa Maria.

Evangelho de hoje - Mateus 13,31-35

Ave Maria,

Naquele tempo, 31Jesus contou-lhes outra parábola: “O Reino dos Céus é como uma semente de mostarda que um homem pega e semeia no seu campo. 32Embora ela seja a menor de todas as sementes, quando cresce, fica maior do que as outras plantas. E torna-se uma árvore, de modo que os pássaros vêm e fazem ninhos em seus ramos”.33Jesus contou-lhes ainda outra parábola: “O Reino dos Céus é como o fermento que uma mulher pega e mistura com três porções de farinha, até que tudo fique fermentado”.34Tudo isso Jesus falava em parábolas às multidões. Nada lhes falava sem usar parábolas, 35para se cumprir o que foi dito pelo profeta: “Abrirei a boca para falar em parábolas; vou proclamar coisas escondidas desde a criação do mundo”.

Santa Maria.

Partilhando o Evangelho com a Virgem Maria

Ave Maria,

Jesus nos fala hoje sobre o contraste que é o inicio do Reino de Deus com o seu final, pois, ele começará pequeno, como um grão de mostarda, mas logo que este grão germinar, chegará a ser tão grande que muitos virão fazer sua morada nele, mas para isso acontecer, será necessário o nosso empenho em propaga-lo pelo mundo afora.

Meus queridos filhos e filhas da Virgem Maria, vamos colocar Nossa Senhora da seguinte forma neste Evangelho: ela poderá ser a semeadora e nós a semente, para aumentarmos cada vez mais o Reino dela aqui na terra. Ela também poderá ser a mulher que coloca o fermento na mistura e nós este fermento, o qual deverá ser fermentado, ou seja, cada vez mais aumentado em tamanho e graça, para que todos possam ver que através da preparação do Reino de Nossa Senhora, é que Jesus virá em sua segunda vinda sobre todos nós.

Hoje é dia da Virtude Ardente Caridade (PHS). Vamos pedir a intercessão de Nossa Senhora para juntos praticarmos esta virtude, pois, com certeza ela será de muita valia para o nosso próximo. Assim seja!

Santa Maria.

domingo, 26 de julho de 2009

Celebração dos Votos Perpétuos do Irmão Antonio


Ave Maria,


Hoje pela manhã no Bairro Pau Brasil na cidade de São José de Mipibú, foi celebrado os votos perpétuos do Irmão Antonio da Associação de Fieis Filhos de Santana. Na ocasião a Comunidade Discípulos da Mãe de Deus se fez representar, onde felicitou e desejou paz e perseverança para esta nova etapa na vida do Irmão Antonio. Peçamos a intercessão de Maria Santíssima para que ela juntamente com sua mãe Santana, ajudem este nosso irmão a conseguir trilhar os caminhos na busca constante do Reino de Deus! Assim seja!


Santa Maria.

Evangelho de hoje - João 6,1-15

Ave Maria,

Naquele tempo, 1Jesus foi para o outro lado do mar da Galileia, também chamado de Tiberíades.2Uma grande multidão o seguia, porque via os sinais que ele operava a favor dos doentes. 3Jesus subiu ao monte e sentou-se aí, com os seus discípulos. 4Estava próxima a Páscoa, a festa dos judeus. 5Levantando o olhos e vendo que uma grande multidão estava vindo ao seu encontro, Jesus disse a Filipe: “Onde vamos comprar pão para que eles possam comer?” 6Disse isso para pô-lo à prova, pois ele mesmo sabia muito bem o que ia fazer. 7Filipe respondeu: “Nem duzentas moedas de prata bastariam para dar um pedaço de pão a cada um”.8Um dos discípulos, André, o irmão de Simão Pedro, disse: 9“Está aqui um menino com cinco pães de cevada e dois peixes. Mas o que é isto para tanta gente?”10Jesus disse: “Fazei sentar as pessoas”. Havia muita relva naquele lugar, e lá se sentaram, aproximadamente, cinco mil homens. 11Jesus tomou os pães, deu graças e distribuiu-os aos que estavam sentados, tanto quanto queriam. E fez o mesmo com os peixes.12Quando todos ficaram satisfeitos, Jesus disse aos discípulos: “Recolhei os pedaços que sobraram, para que nada se perca!”13Recolheram os pedaços e encheram doze cestos com as sobras dos cinco pães, deixadas pelos que haviam comido. 14Vendo o sinal que Jesus tinha realizado, aqueles homens exclamavam: “Este é verdadeiramente o Profeta, aquele que deve vir ao mundo”. 15Mas, quando notou que estavam querendo levá-lo para proclamá-lo rei, Jesus retirou-se de novo, sozinho, para o monte.

Santa Maria.

Partilhando o Evangelho com a Virgem Maria

Ave Maria,

No Evangelho de hoje, Jesus nos mostra que diante das adversidades não devemos murmurar e achar que não conseguiremos vencer o obstáculo que temos pela frente. Quando Filipe respondeu que nem duzentas moedas de prata bastaria para comprar comida para todas aquelas pessoas, Filipe estava agindo como muitos de nós que na primeira dificuldade que encontramos já achamos que não vamos conseguir transpor tal situação.

Meus queridos filhos e filhas da Virgem Maria, Jesus como diz no Evangelho muitas vezes nos colocará a prova para ver até onde o amor que sentimos por Ele é verdadeiro, pois, muitas vezes em nossa caminhada de conversão, diremos que o amamos de verdade, mas, será que o amamos mesmo, ou será que na primeira adversidade o abandonaremos?

Na Boa Nova de hoje podemos enxergar a presença de Nossa Senhora em meio aquele povo preocupada em repartir todo o alimento, para que não faltasse para ninguém, como de fato até sobrou. Maria Santíssima é assim, ela sempre de preocupa com cada um dos seus filhos prediletos para que nunca lhes falte o alimento diário, para que nunca lhes falte nada. Quem a ela se Consagra, nada ela lhe deixará faltar.

Rezemos pedindo a intercessão da Virgem Maria para que possamos praticar a Virtude Pureza Divina (PHS) ao longo deste dia, e assim, nos tornarmos puros como só ela é! Assim seja!

Santa Maria.

sábado, 25 de julho de 2009

Evangelho de hoje - Mateus 20,20-28

Ave Maria,

20Naquele tempo, a mãe dos filhos de Zebedeu aproximou-se de Jesus com seus filhos e ajoelhou-se com a intenção de fazer um pedido. 21Jesus perguntou: “O que tu queres?” Ela respondeu: “Manda que estes meus dois filhos se sentem, no teu Reino, um à tua direita e outro à tua esquerda”.22Jesus, então, respondeu-lhes: “Não sabeis o que estais pedindo. Por acaso podeis beber o cálice que eu vou beber?” Eles responderam: “Podemos”. 23Então Jesus lhes disse: “De fato, vós bebereis do meu cálice, mas não depende de mim conceder o lugar à minha direita ou à minha esquerda. Meu Pai é quem dará esses lugares àqueles para os quais ele os preparou”.24Quando os outros dez discípulos ouviram isso, ficaram irritados contra os dois irmãos. 25Jesus, porém, chamou-os e disse: “Vós sabeis que os chefes das nações têm poder sobre elas e os grandes as oprimem. 26Entre vós não deverá ser assim. Quem quiser tornar-se grande, torne-se vosso servidor; 27quem quiser ser o primeiro, seja vosso servo. 28Pois, o Filho do Homem não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida como resgate em favor de muitos”.

Santa Maria.

Partilhando o Evangelho

Ave Maria,

Tiago e João são os filhos de Zebedeu. O Evangelho de Marcos nomeia os dois, explicitamente, nesta cena; porém, Mateus menciona a mãe deles como sendo quem faz o pedido a Jesus. Talvez Mateus queira eximir os homens de tal pedido equivocado, que reflete a ambição do poder, quando Jesus dá pleno testemunho de que veio para servir humildemente, com amor. Em resposta, ele rejeita o comum abuso de poder em vigor nas sociedades, propondo um novo relacionamento entre as pessoas. Além de Tiago, irmão de João, identificado como "Tiago Maior", no Segundo Testamento é mencionado outro Tiago, "o irmão do Senhor", ou "Tiago Menor", que foi o chefe da Igreja de Jerusalém.

Santa Maria.

Hoje vamos juntos comemorar o aniversário de Raquel Maria


Ave Maria,


Hoje vamos nos alegrar com Raquel Maria nossa querida irmã de comunidade, ela que está comemorando mais um ano de vida. Que Deus te abençoe e que Maria Santíssima te cubra com seu Manto Sagrado! Assim seja!


Santa Maria.

Jovens de Nova Parnamirim buscam a Consagração a Virgem Maria

Ave Maria,

Ontem a noite na paroquia Nossa Senhora da Conceiçao em Nova Parnamirim, foi aberto mais um grupo de consagração naquela comunidade. Desta vez este grupo foi direcionado para jovens e tivemos a participação de cerca de 30 rapazes e moças, entretanto, o grupo também é aberto para todas as idades. Venha conhecer será uma alegria ter você com agente.
Click no link e acesse as fotos do grupo: http://discipulosdamaededeus-gjnp.blogspot.com/
Santa Maria.

sexta-feira, 24 de julho de 2009

Evangelho de hoje - Mateus 13,18-23

Ave Maria,

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 18“Ouvi a parábola do semeador: 19Todo aquele que ouve a palavra do Reino e não a compreende, vem o Maligno e rouba o que foi semeado em seu coração. Este é o que foi semeado à beira do caminho. 20A semente que caiu em terreno pedregoso é aquele que ouve a palavra e logo a recebe com alegria; 21mas ele não tem raiz em si mesmo, é de momento: quando chega o sofrimento ou a perseguição, por causa da palavra, ele desiste logo.22A semente que caiu no meio dos espinhos é aquele que ouve a palavra, mas as preocupações do mundo e a ilusão da riqueza sufocam a palavra, e ele não dá fruto.23A semente que caiu em boa terra é aquele que ouve a palavra e a compreende. Esse produz fruto. Um dá cem outro sessenta e outro trinta”.

Santa Maria.

Partilhando o Evangelho com a Virgem Maria

Ave Maria,

O Evangelho de hoje faz um comparativo entre as pessoas que reagem bem a escuta da palavra e as pessoas que reagem mal. O Evangelho também nos faz entender que não basta bem escutarmos a Palavra, mas, se faz necessário que a coloquemos em prática de maneira que essa prática seja realizada como realmente nos pede o Evangelho e não como temos vontade de fazer.

Meus queridos filhos e filhas da Virgem Maria quando ela recebeu a Palavra de Deus, foi como se Ele estivesse plantando a semente em seu coração. Deus preparou todo o terreno da Virgem Maria para ai plantar o seu Filho muito amado. Nossa Senhora é a Árvore da qual nos veio o Fruto da Vida. Debaixo de sua copa o ditado que diz "sombra e água fresca" se realiza. Pois, só debaixo desta árvore teremos a segurança que necessitamos para bem servirmos ao Reino de Deus.

Hoje é dia da Virtude Contínua Oração (PHS), peçamos a intercessão da Mãe de Deus, para bem vivermos a Boa Nova de hoje. Vamos rezar mesmo quando não tivermos vontade, ou mesmo quando acharmos que não temos nada para falar com Deus. Exercitar o PHS neste dia é justamente orar mesmo sem sentir nada em sua oração, é se entregar nos braços de Nossa Senhora e se deixar levar para onde ela te mandar.
Santa Maria.

quinta-feira, 23 de julho de 2009

Evangelho de hoje - Mateus 13,10-17

Ave Maria,

Naquele tempo, 10os discípulos aproximaram-se e disseram a Jesus: “Por que tu falas ao povo em parábolas?” 11Jesus respondeu: “Porque a vós foi dado o conhecimento dos mistérios do Reino dos Céus, mas a eles não é dado. 12Pois à pessoa que tem, será dado ainda mais, e terá em abundância; mas à pessoa que não tem, será tirado até o pouco que tem. 13É por isso que eu lhes falo em parábolas: porque olhando, eles não veem, e ouvindo, eles não escutam, nem compreendem. 14Deste modo se cumpre neles a profecia de Isaías: ‘Havereis de ouvir, sem nada entender. Ha­vereis de olhar, sem nada ver. 15Porque o coração deste povo se tornou insensível. Eles ouviram com má vontade e fecharam seus olhos, para não ver com os olhos nem ouvir com os ouvidos, nem compreender com o coração, de modo que se convertam e eu os cure’.16Felizes sois vós, porque vossos olhos veem e vossos ouvidos ouvem. 17Em verdade vos digo, muitos profetas e justos desejaram ver o que vedes, e não viram, desejaram ouvir o que ouvis, e não ouviram.

Santa Maria.

Partilhando o Evangelho

Ave Maria,

Ontem, na festa de Maria Madalena, perdemos um trecho da leitura continuada do Tempo Comum. Sugerimos ler a parábola do semeador (Mateus 13, 1-9), para que tenha sentido o comentário de hoje. Todo o capítulo 13 é a parte central do evangelho de Mateus; praticamente o anterior e o que segue estão em função das sete parábolas que descrevem o Reino e seus protagonistas: Deus, os seres humanos, os inimigos, a dinâmica do Reino e os convocados para ele.
Depois de proclamar ontem a parábola do semeador, Jesus explica aos discípulos por que fala utilizando esse gênero literário. Manifesta-o com uma frase enigmática que muitas vezes não podemos entender e muito menos explicar. Mas se a situamos no contexto do capítulo anterior, fica claro como água: já o povo judeu fechou seus ouvidos a esta Palavra nova; não a quer escutar, mesmo que seja em sua terra; decidiu ser contra o Reino. Esses são os que tendo ouvidos não ouvem e tendo olhos não veem; em troca há gente que está ávida por essa Palavra e quer viver a experiência que lhe é proposta: precisamente os discípulos e o povo simples. E nós? Queremos que a Palavra seja semeada e crie raízes profundas em nosso coração? Que fazemos para isso?

Fonte: Serviços Biblico Latino Americano

Santa Maria.

Hoje é a vez de Mônica Mariana comemorar mais um ano de vida


Ave Maria,


Vamos juntos nos confraternizar com a nossa irmã de comunidade Mônica Mariana, a qual está fazendo aniversário em meio a busca constante de uma nova vida em Cristo Jesus. Que esta comunidade da qual passasses a fazer parte, possa te ajudar na conquista de tua santidade.


Santa Maria.

Felipe Mariano da "Coleta" também faz anivesário


Ave Maria,


Ele que já faz parte desta família, ele que é o "membro" mais jovem desta comunidade, está fazendo oito aninhos de vida. Desejamos a você Felipe da "Coleta" como sua própria mãe falou, um feliz aniversário. Desejamos também que seus pais consigam educá-lo espelhados nas Virtudes da Virgem Maria, e assim você se torne um verdadeiro escravo da Santíssima Mãe de Deus.


Santa Maria.

quarta-feira, 22 de julho de 2009

Evangelho de hoje - João 20, 1-2. 11-18

Ave Maria,

1No primeiro dia da semana, Maria Madalena foi ao túmulo de Jesus, bem de madrugada, quan­do ainda estava escuro, e viu que a pedra tinha sido retirada do túmulo. 2Então saiu correndo e foi encontrar Simão Pedro e o outro discípulo, aquele que Jesus amava, e lhes disse: “Tiraram o Senhor do túmu­lo, e não sabemos onde o colocaram”. 11Maria estava do lado de fora do túmulo, chorando. Enquanto chorava, inclinou-se e olhou para dentro do túmulo. 12Viu, então, dois anjos vestidos de branco, sentados onde tinha sido posto o corpo de Jesus, um à cabeceira e outro aos pés. 13Os anjos perguntaram: “Mulher, por que choras?” Ela respondeu: “Levaram o meu Senhor e não sei onde o colocaram”. 14Tendo dito isto, Maria voltou-se para trás e viu Jesus, de pé. Mas não sabia que era Jesus. 15Jesus perguntou-lhe: “Mulher, por que choras? A quem procuras?” Pensando que era o jardineiro, Maria disse: “Senhor, se foste tu que o levaste dize-me onde o colocaste, e eu o irei buscar”.16Então Jesus disse: “Maria!” Ela voltou-se e exclamou, em hebraico: “Rabuni” (que quer dizer: Mestre). 17Jesus disse: “Não me segures. Ainda não subi para junto do Pai. Mas vai dizer aos meus irmãos: subo para junto do meu Pai e vosso Pai, meu Deus e vosso Deus”. 18Então Maria Madalena foi anunciar aos discípulos: “Eu vi o Senhor!”, e contou o que Jesus lhe tinha dito.

Santa Maria.

Partilhando o Evangelho com a Virgem Maria

Ave Maria,

O Evangelho de hoje celebra Santa Maria Madalena, a primeira das criaturas pecadoras a ver Jesus. Ela que mesmo sendo mulher e ainda por cima estava escuro, pois, era madrugada quando o Senhor ressuscitou, saiu ao seu encontro, saiu a sua procura. Esta passagem nos mostra que quando amamos de verdade enfrentamos qualquer obstáculo para estarmos ao lado de Jesus.

Maria Madalena amava tanto a Jesus que não se importou com as dificuldades que teria para revê-lo, ainda que na cabeça dela fosse só o seu corpo. E é justamente por causa desse amor sem limites em rever Jesus, mesmo que fosse só o corpo Dele, que Jesus aparece a ela, pois, todo aquele que o ama de verdade pode ter certeza de que Ele aparecerá a você.

Meus queridos filhos e filhas da Virgem Maria, Jesus já tinha aparecido a sua Mãe muito embora isto não esteja escrito nos evangelhos, porém, é fácil e lógico imaginarmos que Ele já teria aparecido a ela, pois, qual mãe não estaria ansiosa para rever seu filho sabendo que ele ressuscitaria? Ainda mais a Mãe de Jesus que tudo o que ia acontecer já estava sabendo, uma vez que a cumplicidade entre eles era total.

Meus irmãos ela foi a criatura que mais o amou, Ela não tinha pecados e com sua Virtude Fé Viva (PHS), tinha a certeza de que em breve ele voltaria, como de fato voltou. Sigamos o exemplo de Maria Madalena aquela que enfrentou e enfrentaria qualquer dificuldade para rever o Senhor, como também vivamos o PHS de Maria Santíssima, pois, só desta maneira conseguiremos também um encontro verdadeiro e real com Nosso Senhor Jesus Cristo! Assim seja!

Santa Maria.

Parabéns Alex de Maria por mais um dia de vida


Ave Maria,


Hoje é dia de alegria em nossa Fraternidade. Alex de Maria celebra mais um aniversário de vida. Que o Senhor continue te dando forças para superar os obstáculos em sua vida e que Maria Santíssima seja o exemplo que você necessita para se espelhar, e assim superar toda e qualquer dificuldade encontrada em sua caminhada na busca da santidade! Assim seja!


Convidamos a todos que estão lendo esta mensagem a também deixarem a sua própria.
Muitas vezes imaginamos não saber dizer algo bonito para alguém, porém, eu te digo: se aquilo que você estiver falando vier do coração, por mais simples que pareça, será justamente o que aquela pessoa estará precisando ouvir naquele instante, então, deixe também a sua mensagem.

Santa Maria.

terça-feira, 21 de julho de 2009

Evangelho de hoje - Mateus 12,46-50

Ave Maria,

Naquele tempo, 46enquanto Jesus estava falando às multidões, sua mãe e seus irmãos ficaram do lado de fora, procurando falar com ele. 47Alguém disse a Jesus: “Olha! Tua mãe e teus irmãos estão aí fora, e querem falar contigo”. 48Jesus pergun­tou àquele que tinha falado: “Quem é minha mãe, e quem são meus irmãos?” 49E, estendendo a mão para os discípulos, Jesus disse: “Eis minha mãe e meus irmãos. 50Pois todo aquele que faz a vontade do meu Pai, que está nos céus, esse é meu irmão, minha irmã e minha mãe”.

Santa Maria.

Partilhando o Evangelho com a Virgem Maria

Ave Maria,

Num primeiro momento no Evangelho de hoje pode parecer que Jesus despreza sua Mãe, sua família, porém, se pararmos para refletir com o Espírito Santo, veremos que é muito pelo contrário, pois, Jesus está justamente enaltecendo sua família. Quando Ele fala que a sua família é todo aquele que faz a vontade do Pai que está nos Céus, Ele está justamente dando sua própria família de sangue como exemplo, pois, quem mais fez a vontade de Deus perfeitamente a não ser a sua Mãe.

Meus queridos filhos e filhas da Virgem Maria, hoje é dia de praticarmos a Virtude Profunda Humildade (PHS). Eu pergunto a vocês: Muito embora saibamos que aos olhos de Deus Jesus estava exaltando sua Mãe na Boa Nova de hoje, sabemos também que aos olhos humanos ela estava sendo humilhada, pois, cada um de nós poderia inclusive imaginar o povo em volta de Jesus falando: ora, quem é essa mulher que se diz ser a mãe dele se ele mesmo não a reconhece? No entanto, o que ela deve ter feito? Com certeza esperado com profunda humildade e com a certeza de que seu Filho jamais a desprezaria.

Peçamos a intercessão da Santíssima Mãe de Deus para bem exercitarmos o (PHS), pois, não é fácil passar pelas provações que Nossa Senhora teve que enfrentar para honrar o seu compromisso com Deus, entretanto ela foi sempre fiel, e jamais esmoreceu ou desconfiou de Deus! Assim seja!

Santa Maria.

segunda-feira, 20 de julho de 2009

Canto de Reconhecimento a Nossa Senhora do Monte Carmelo (2ª parte)

Ave Maria,

Perto da Senhora, ó minha terna Mãe! Encontrei o repouso do coração; Não desejo mais nada nesta terra, somente Jesus é a minha felicidade plena. Se às vezes sinto-me triste, quando o medo me assalta, sempre, sempre, a sustentar a minha fraqueza, Mãe, a Senhora se digna dar-me a bênção. Faça com que eu seja fiel a meu divino Esposo, Jesus. Que um dia a sua doce voz venha chamar-me, para que eu voe entre os seus eleitos. Então, não haverá mais exílio nem sofrimento; e eu recitarei no Céu o canto do meu reconhecimento, amável Rainha do Carmo!

Santa Teresa de Lisieux, do Menino Jesus e da Sagrada Face Poesias CERF-DDB

Santa Maria.

Evangelho de hoje - Mateus 12, 38-42

Ave Maria,

Naquele tempo, 38alguns mestres da Lei e fariseus disseram a Jesus: “Mestre, queremos ver um sinal realizado por ti”. 39Jesus respondeu-lhes: “Uma geração má e adúltera busca um sinal, mas nenhum sinal lhe será dado, a não ser o sinal do profeta Jonas.40Com efeito, assim como Jonas esteve três dias e três noites no ventre da baleia, assim também o Filho do Homem estará três dias e três noites no seio da terra. 41No dia do juízo, os habitantes de Nínive se levantarão contra essa geração e a condenarão, porque se converteram diante da pregação de Jonas. E aqui está quem é maior do que Jonas.42No dia do juízo, a rainha do Sul se levantará contra essa geração, e a condenará, porque veio dos confins da terra para ouvir a sabedoria de Salomão. E aqui está quem é maior do que Salomão”.

Santa Maria.

Partilhando o Evangelho com a Virgem Maria

Ave Maria,

O Evangelho de hoje mostra alguns mestres da lei e fariseus pedindo um sinal de Jesus para poderem acreditar em seus ensinamentos, todavia, Jesus não lhes mostra um sinal como querem, mas, fala do sinal do profeta Jonas como sendo referencia da sua ressurreição, e que eles se quiserem acreditem na profecia de Jonas .

A Boa Nova nos faz entender que infelizmente até nos dias de hoje queremos um sinal de Jesus em nosso favor para podermos segui-lo, pois, do contrário criamos a nossa própria religião, aquela em que vou moldando Jesus a minha própria vontade.

E é assim que muitos tem feito, pois, nós estamos vendo uma verdadeira avalanche de novos templos e seitas se erguendo onde cada uma pinta um deus a sua própria vontade.

Meus queridos filhos e filhas da Virgem Maria, ela simplesmente acreditou na palavra de Deus dirigida a ela através do anjo Gabriel, ela não ficou questionando ou pedindo um sinal concreto, como muitas vezes pedimos em nossas "conversas" com Deus, não, muito pelo contrário, ela apenas quis saber como aquela noticia que o anjo lhe trazia iria acontecer.

E porque ela quis saber como se daria tudo isso em sua vida? Simplesmente porque mesmo diante da grandeza de Deus e de sua pequenez, ela queria facilitar as coisas para que tudo se cumprisse realmente como Deus tinha planejado para acontecer, segundo a vontade Dele e não a dela, ao contrário dá gente que muitas vezes queremos que se faça a nossa vontade.

Ela usou da sua Virtude Sabedoria Divina (PHS), para entender que a vontade de Deus deverá prevalecer sempre em nossa vida. E que jamais devemos duvidar ou está pedindo sinais para podermos acreditar nos desígnios de Deus para conosco. Apenas confiemos e tudo será feito segundo a vontade Dele. Assim seja!

Santa Maria.

domingo, 19 de julho de 2009

Padre Manuel é admitido como membro da Fraternidade Discípulos da Mãe de Deus











Ave Maria,

A Fraternidade Discípulos da Mãe de Deus a partir desta data passa a viver um novo tempo.
Tivemos a graça de receber das mãos da Virgem Maria, pois é ela quem tudo nos dá em nome do seu Filho, um sacerdote, que para nossa Comunidade é verdadeiramente a presença de Jesus em nosso meio. Muitos nem imaginavam o presente que Nossa Senhora nos daria nesta noite, muito embora todos nós já sonhássemos com este dia, com esta hora em que Jesus se faria presente em nosso meio para aqui fazer a sua morada.
Padre Manuel, não estamos exagerando, o senhor é verdadeiramente a presença de Jesus para nós, inclusive lhe pedimos desculpas se parece exagero de nossa parte ao dizer isso, mas é porque a nossa emoção não nos deixa falar de outra forma. Saiba que nos faltam palavras para demonstrar o quanto é grande a nossa alegria, a nossa emoção em saber que a partir de agora, temos de fato e de direito um Sacerdote que muito nos ajudará em nossa missão.

Que todos nós possamos clamar a intercessão da Virgem Maria Mãe de Deus por este Santo Sacerdote, que se ainda não o é, mas com toda certeza tem lutado para ser. Conte conosco, conte com todos nós membros que fazemos parte desta Santa Fraternidade, que muito embora seja formada por pecadores, todos que aqui se encontram, lutam constantemente para atingirem a santidade e com certeza juntos seremos mais fortes para chegarmos a ela! Assim seja!

Santa Maria.

Dia de muita água derramada em forma de bênçãos em nossa Fraternidade


Ave Maria,


As águas que caíram neste sábado 18 de julho de 2009, foram simplesmente o choro da alegria que Nossa Senhora sentia, ao ver que tantos filhos dela querem cada vez mais se entregarem ao seu serviço. Enquanto Nossa Senhora chorava de alegria lá no Céu, aqui na terra chorávamos e ao mesmo tempo festejávamos a graça de recebermos em nossa Fraternidade mais seis novos membros e nove mudanças de nível, sendo seis membros que passaram do um para o nível dois e três membros que foram do dois para o nível três. logo abaixo destacamos todos eles para que juntos possamos nos alegrar e festejarmos este tempo de muitas águas derramadas em forma de graças em nossa Fraternidade! Assim Seja!


Santa Maria.

Momento histórico em nossa Fraternidade

Ave Maria,
Um marco na história da Fraternidade Discípulos da Mãe de Deus. Pela primeira vez temos mudança de nível dois para nível três em nossa casa. Isto é realmente uma verdadeira graça vinda de Deus através das mãos puríssimas e virginais de Maria Santíssima. Nosso pai-Fundador Cesar Mariano, nossa mãe-Fundadora Mara Maria, como também Maria de Fátima, entregaram neste sábado 18 de julho de 2009 cada vez mais a sua vida nesta Obra que não foi criada pelo homem, e sim, pelas mãos de Deus. Todos nós Discípulos da Mãe de Deus sabemos que não é fácil se entregar assim desta maneira, no entanto, sabemos também que todo aquele que se doa ao serviço de Deus, muito mais recebe em recompensa. Não que este seja o nosso pensamento, de estar nos doando em troca de qualquer outra coisa que não seja o Paraíso Celestial, não, contudo, sabemos que Deus é muito mais generoso com aquele que se entrega de corpo e alma a Ele. E saibam ainda que este sim que vocês deram, serve como exemplo para todos nós que queremos também um dia nos consagrarmos completamente ao serviço de Deus, através desta Santa Comunidade! Assim seja!
Santa Maria.

Mudança de nível um para nível dois

Ave Maria,

Mais seis membros confirmam o seu chamado a serem Fraternidade Discípulos da Mãe de Deus. Ao dar o seu sim a mudança de nível, cada um deles está dizendo: eis-me aqui, estou querendo servir cada vez mais e melhor, Fraternidade conte comigo. E neste sentido de querer servir cada vez mais e melhor, é que seis membros de nível um passaram a nível dois neste sábado. Que vocês possam contar com a ajuda de todos os outros membros nesta missão de tornar Maria Santíssima cada vez mais conhecida, mais querida e mais amada.

São eles:
Raquel Maria
Izabelle Maria
Eugenio Mariano
Bruna Maria
Maria Cristina
Maria de Lourdes

Santa Maria.

Admissão de Novos Membros

Ave Maria,

No sábado passado em nossa Casa de Retiro tivemos a graça de recebermos mais seis novos membros, os quais a partir de agora integram o nível um da Fraternidade e incorporam na graça de Deus o Santíssimo nome da Virgem Maria aos seus. Peçamos a intercessão de Maria Santíssima na vida de cada um deles para que sejam perseverantes nesta caminhada a qual a exemplo de Nossa Senhora, também deram o seu sim a Deus.

Seus nomes da esquerda para a direita

Pablo Mariano
Cyelli Maria
Monica Mariana
Heloisa Maryana
Cleide Maria
Carlos Mariano

Santa Maria.

Santos Sacerdotes

Ave Maria,

“Rezemos muito pelos sacerdotes; As suas almas precisam ser mais lúcidas e mais puras do que o cristal”. Santa Teresinha do Menino Jesus ,Doutora da Santa Madre Igreja

Padre quer dizer pai. Do Latim, pater/patris = pai – o padre é o pai da comunidade. Aquele que acolhe, ouve, aconselha, orienta, adverte, corrige, quando necessário e alimenta de esperança os fiéis. O padre também é conhecido como sacerdote, ou então, como presbítero.
O padre é sacerdote (em Latim, sacer = sagrado + dos = dom). Ele oferece a Deus o sacrifício da Eucaristia, memória da Paixão, Morte e Ressurreição de Cristo. É presbítero (em Grego, presbíteros, significa ancião, idoso, experiente) porque como um irmão mais velho, orienta com sabedoria, seus irmãos mais novos, sempre buscando conduzi-los para a maturidade da fé.
Ser padre é uma abissal vocação. É o bom Deus que escolhe o seu servo no meio do povo, consagrado e devolvido ao povo para servi-lo através do sacramento da ordem, o sacerdócio ministerial. Está escrito na Epístola aos Hebreus: “Todo sumo sacerdote é tomado do meio do povo e representa o povo nas relações com Deus, para oferecer dons e sacrifícios pelos pecados” (Hb 5,1). O sacerdócio não é uma profissão, uma carreira, um teatro ou um status social ou político. Não é algo que só depende da decisão pessoal. Não é uma visão unilateral, não é uma vontade apenas racional e uma realização carnal. Ser padre é uma escolha de Deus, um chamado para o apostolado do Calvário ao Túmulo vazio. Deus chama e capacita o padre para trabalhar em prol do seu Reino. O padre representa a face gloriosa de Cristo no mundo transfigurado pela dor e sofrimento. Ser padre é um grande mistério que vai além da razão humana. Para fazer com que os fiéis cheguem à maturidade da fé, os padres batizam. Perdoam os pecados através do sacramento da Penitência, são testemunhas da Igreja nos sacramentos do Matrimônio e da Unção dos Enfermos. Mas o mais importante é: a cada dia, os padres renovam o sacrifício de Cristo, a Eucaristia, alimento para sua vida e para a dos fiéis (Decreto Presbyterorum Ordinis, sobre o Ministério e a Vida doa Presbíteros, n°. 5).
A maior felicidade do mundo é o amor de Deus em nossos corações. A maior graça do mundo é a nossa bendita salvação eterna e o maior tesouro do mundo para o padre é a sua vocação sacerdotal. O escrito francês autor do Pequeno Príncipe Saint-Exupery disse: “O verdadeiro amor nunca se gasta. Quanto mais se dá mais se tem”.Este pensamento em relação ao padre e a missa podemos parafrasear assim: “O verdadeiro amor ao sacerdócio nunca se gasta. Quanto mais se dá pela Santa Missa, mais se tem”.
SACERDOTES SANTOS
“Se eu encontrasse um anjo e um sacerdote, primeiro saudaria ao sacerdote e depois ao anjo...”. São Francisco de Assis- O Santo do Amor e da Paz
O Papa São Pio X dizia: “Um padre santo faz o povo santo e um padre que não é santo, podemos chamá-lo não inútil, mas até de perigoso para o próximo”. E o Papa Pio XI afirmou: “Que imenso benefício é para o povo um sacerdote santo! Queríamos dizer que o próprio Deus não pode conceder benefício maior do que dar ao povo um sacerdote santo, um sacerdote segundo o coração de Deus...”.
O Padroeiro de todos os sacerdotes do mundo, O Santo Cura d’Ars, exemplo de sacerdote e de serviço a Santa Madre Igreja, repetia a seu bispo: “Se quererdes converter vossa diocese, será preciso tornar santos todos os vossos párocos”.
O Santo Cura de d’Ars, seu nome de batismo era João Batista Maria Viammey, nos deixou um conselho monumental: “A mais bela profissão do homem é amor e rezar”.
O Papa Bento XVI, antes de se dirigir para a terra natal de João Paulo II, em 26 de maio de 2005, no Mosteiro da Virgem Negra, considerada a Rainha da Polônia, dirigindo-se aos sacerdotes, disse que “o mundo e a Igreja precisam de sacerdotes santos” e,dirigindo-se de modo particular aos candidatos ao sacerdócio, fez um forte apelo, para que eles se deixassem “guiar por Maria e aprender de Jesus” e acrescentou: - “fixai-O, deixai que Ele vos forme, para que um dia sejais capazes, no vosso ministério, de ver quantos se aproximarão de Cristo por meio de vós”. Referindo-se à vida quotidiana do sacerdote, o Papa frisou: “quando tomais nas vossas mãos o Corpo eucarístico de Jesus, para d’Ele alimentar o Povo de Deus e quando assumis a responsabilidade por aquela parte do Corpo Místico, que vos será confiada, recordai a atitude de admiração e de adoração, que caracterizou a fé de Maria. Assim como Ela conservou o amor virginal pleno de admiração, também vós, ajoelhando-vos, liturgicamente, no momento da consagração, conservai no vosso ânimo a capacidade de admira-vos e de adorar”.
CONCLUSÃO
A dimensão da santidade sacerdotal está na consistência do amor a Cristo e a sua Igreja. Ter paixão e amor pelas almas perdidas. Ter amor pela pregação do Evangelho libertador de Jesus Cristo. A face do padre brilha o amor por todos.
O grande Doutor da Igreja Santo Tomás de Aquino afirmou com magistral sabedoria: “A santidade não consiste em saber muito, meditar muito, pensar muito. O grande mistério da santidade é amar muito”.
Oração, jejum, retiros espirituais, leitura da Sagrada Escritura, Liturgia das Horas, vida dos santos e a celebração da Santa Missa, são práticas para perfeição sacerdotal.
A renúncia, sacrifícios, sofrimentos, e solidão são vividos no amor e no exemplo de silêncio e do sim da Virgem Maria. O território sacerdotal é bem vivenciado no carinho, no amor e na compreensão dos fiéis para o sacerdote com seus defeitos e virtudes. O sacerdote santifica a comunidade, tanto quanto ela santifica também o sacerdote.
O centro da santidade sacerdotal é a Santíssima Eucaristia, o livro principal para sua leitura de devoção piedosa é a Palavra Deus e o fundamento de um justo e salutar ministério sacerdotal são: a graça de Cristo, o amor de Deus e a unção do Espírito Santo.

E-mail: pe.inaciojose.osbm@hotmail.com

Fontes:
HTTP://www.oecumene.radiovaticana.org
Ave Maria, agosto de 2007, p. 27.
Brasil Cristão, abril de 2009, p. 21.
O Sábado do Sacerdote, Pe. Frei Ricardo, capuchinho, Porto Alegre: Editora São Miguel, 1954.

Santa Maria.

Canto de Reconhecimento a Nossa Senhora do Monte Carmelo (1ª parte)

Ave Maria,

Nos primeiros instantes de minha vida, a Senhora me tomou em seus braços; depois deste dia, Mãe querida, a Senhora me protege nestes terrenos passos. Para conservar a minha inocência. a Senhora me colocou em doce ninho, a Senhora protegeu a minha infância na sombra de um claustro bendito. Mais tarde, ao tempo da minha juventude, de Jesus ouvi o chamado, o apelo!... Em sua inefável ternura, a Senhora me mostrou o Carmelo. "Vem, minha criança, sê generosa", dizia-me a Senhora, com dulçor; "Perto de mim serás feliz, vem imolar-te pelo teu Salvador."

Santa Teresa de Lisieux, do Menino Jesus e da Sagrada Face Poesias CERF-DDB

Santa Maria.

Evangelho de hoje - Marcos 6, 30-34

Ave Maria,

Naquele tempo, 30os apóstolos reuniram-se com Jesus e contaram tudo o que haviam feito e ensinado.31Ele lhes disse: “Vinde sozinhos para um lugar deserto e descansai um pouco”. Havia, de fato, tanta gente chegando e saindo que não tinham tempo nem para comer. 32Então foram sozinhos, de barco, para um lugar deserto e afastado. 33Muitos os viram partir e reconheceram que eram eles. Saindo de todas as cidades, correram a pé e chegaram lá antes deles. 34Ao desembarcar, Jesus viu uma numerosa multidão e teve compaixão, porque eram como ovelhas sem pastor. Começou, pois, a ensinar-lhes muitas coisas.

Santa Maria.

Partilhando o Evangelho com a Virgem Maria

Ave Maria,

O Evangelho de hoje nos mostra duas situações: a primeira, Jesus acolhe os seus discípulos, pois, estavam cansados da missão e todo bom missionário merece o seu descanso. A segunda situação é a de que Jesus se compadeceu da multidão, pois, eram como ovelhas sem pastor e começou a ensina-las a Boa Nova.

Qual a lição que tiramos do Evangelho de hoje? Bom, primeiro é a de que Jesus é o nosso alimento, é o nosso fortalecimento, é justamente Nele que devemos nos reabastecer. E como devemos fazer isso? Todo missionário deve ter seu momento de retiro, seu momento sozinho ali com Deus, para que você escute o que Ele quer de você, qual a missão a ser desempenhada.

E em segundo lugar, é a de que devemos nos compadecer das pessoas que estão sem saber o que fazer da vida, que estão sem rumo e que buscam o caminho, porém, devido as preocupações deste mundo ainda não descobriram o verdadeiro e único caminho a ser percorrido.

Na passagem de hoje, podemos encontrar Nossa Senhora vendo todo aquele movimento de entra e sai de pessoas e com sua Virtude Doçura Angélica (PHS), falando para cada uma delas, - meus filhinhos, nossos irmãos precisam descansar um pouco, deixemos eles a sós para que possam se abastecer com Jesus, pois, todo bom missionário precisa de momentos íntimos com seu Mestre.Tenhamos paciência, tenhamos calma, fiquemos todos aqui a rezar um pouco por eles.

Meus queridos filhos e filhas da Virgem Maria, a Mãe de Deus, quer o bem de todos nós, mas ela sabe que todo aquele que se dedica ao serviço do Reino, precisa de momentos de intimidade com o próprio Jesus, e por isso ela pede a todos nós que embora estejamos sempre em missão procurando fazer a vontade de seu Filho, busquemos momentos de intima comunhão com o Pai, pois, precisamos e muito nos abastecer de Deus para a nossa missão.

Santa Maria.

sábado, 18 de julho de 2009

Evangelho de hoje - Mateus 12,14-21

Ave Maria,

Naquele tempo, 14os fariseus saíram e fizeram um plano para matar Jesus. 15Ao saber disso, Jesus retirou-se dali. Grandes multidões o seguiram, e ele curou a todos. 16E ordenou-lhes que não dissessem quem ele era, 17para se cumprir o que foi dito pelo profeta Isaías: 18“Eis o meu servo, que escolhi; o meu amado, no qual ponho a minha afeição; porei sobre ele o meu Espírito, e ele anunciará às nações o direito. 19Ele não discutirá, nem gritará, e ninguém ouvirá a sua voz nas praças. 20Não quebrará o caniço rachado, nem apagará o pavio que ainda fumega, até que faça triunfar o direito. 21Em seu nome as nações depositarão a sua esperança”.

Santa Maria.

Partilhando o Evangelho com a Virgem Maria

Ave Maria,

O Evangelho de hoje mostra que os fariseus já planejavam matar Jesus, pois, eles não gostavam da forma como Ele tratava o povo, como ele ajudava a abrir os olhos dos oprimidos pelo sistema farisaico, onde o povo humilde não tinha voz nem direitos. No entanto, Ele veio justamente para anunciar a todos o direito, anunciar a todos a Boa Nova do Reino.

Meus queridos filhos e filhas da Virgem Maria, para anunciarmos a Boa Nova, encontraremos muitas dificuldades em nosso caminho, porém, vamos juntos praticar a Virtude Paciência Heróica (PHS), a qual nos é indicada para este dia, e assim, com Mãe de Deus, juntos conseguiremos fazer acima de tudo a vontade de Dele que é o anuncio do Evangelho.
Santa Maria.

Nossa Senhora de Kophàza (2ª parte)

Ave Maria.

Aos 14 anos, Eléanore já é uma bela jovem, desabrochada flor, que se desenvolvia harmoniosamente. Era o orgulho do pai e a alegria da família. O pai, o Conde Nàdasdy, já fazia admiráveis projetos para o futuro da filha, tal como possibilidades de casamento com algum jovem de grande e nobre família do país. Milagre? Talvez. Graças especiais? Sem dúvida! O tempo passa... As grandes caçadas sempre a acontecer, prazer da família Nàdasdy... Eléanore foi percebida pelo jovem Wesselényi, da grande nobreza húngara. As negociações para o casamento se iniciam entre as duas famílias. Eléanore revela ao pai o voto de virgindade que fizera à Virgem. Consternação na família! O Conde Nàdasdy consulta seu parente, Monsenhor d´Eger. Este julga que Eléanore, enferma e ainda imatura, havia feito uma promessa cujo peso e importância não poderia apreender. Assim, o Bispo resgata a jovem de seu voto de virgindade e os esponsais aconteceram. Deixemos de lado o sofrimento de Eléanore e vamos dar uma espiada no castelo dos Nàdasdy. Toda a população está feliz. A família dos Wesselényi se apresenta pomposamente, com grande ostentação. Eléanore, deslumbrante, por obediência, se presta à preparação do cortejo que vai conduzi-la ao jovem noivo. O dia está lindo. Mas, logo o céu se ensombreia. É grande a ameaça de tormenta. Todos decidem esperar que o mau tempo passe... Porém, um vento violento sacode o castelo, arranca a grinalda colocada por mãos de artistas na jovem donzela e, em seguida, um trovão, seco... Um raio cai sobre o cortejo que se formava. Infelizmente, em vez da alegria de um matrimônio, eis a tristeza das exéquias em Kophàza. Eléanore foi enterrada, Eléanore, a que fora curada, milagrosamente, na floresta de Kophàza... Terror, assombro, lágrimas, desgostos acompanharam a morte da pequena Eléanore. Quanto remorso no coração do pobre Conde! Munido de um espírito de reparação, ele fez com que se construísse na própria capela um santuário onde ainda hoje se reza à Mãe de Deus, a Grande Senhora dos Magyars!


Traduzido do húngaro por F. L. PRUCSER para o Recueil marial (Florilégio Mariano) de Frei Albert Pfleger, n°10

Santa Maria.

sexta-feira, 17 de julho de 2009

Nossa Senhora de Kophàza (1ª parte)

Ave Maria,

Kophàza é uma encantadora cidadezinha a sudeste de Sopron, na Hungria. A localidade usufrui de um certo renome, primeiramente devido ao santuário Mariano que lá existe; em seguida, devido aos campos férteis de suas vinhas, eternamente beijadas pelo sol, seus ricos prados e sua floresta vigilante, verdadeiro bastião de proteção do local. Muitos peregrinos visitam o santuário dedicado à Santíssima Virgem, sem conhecer sua origem, que bem merece ser revelada.
No século XVII, Kophàza era, graças à sua grande floresta, ponto de referência e de encontro para caçadas, o local preferido do Conde Thomas Nàdasdy. A estrada que conduzia ao lago Fertoe, reconhecido logradouro para a caça aquática, passava por Kophàza, próximo a uma pequena capela, escondida na floresta. Lá se venerava um belo quadro da Virgem. Ora, a filha do Conde Nàdasdy sofria de uma doença incurável, segundo os mais renomados médicos da época. Eléanore, a pequena enferma, era o grande peso, a cruz da família, principalmente para o Conde. A jovem, em seu infortúnio, tinha o hábito de passear sozinha ou acompanhada, até o extremo da mata, para fruir a beleza da natureza.
Um dia, aventurou-se a jovenzinha pela floresta. A capela da Virgem a atrai. O silêncio da floresta a envolve. Eléanore adentra o santuário, piedosa como é... Mas, que amor ardente surge em seu coração ao fitar o quadro da Virgem com o Menino Jesus nos braços! Quanto mais Eléanore fitava a tela, mais a sua oração tornava-se fervorosa e assomava-lhe aos lábios: "Virgem Santa, cura-me, para que eu seja feliz, cura-me e eu pertencerei a ti para sempre!... Faço agora, aos teus pés, o voto de virgindade eterna..." Certa de ter sido atendida, a jovem parte, plena de alegria. A felicidade inunda todo o seu ser e, à sua volta, tudo parece sorrir. A partir de então, ela virá, com frequência, visitar a querida Madona da floresta.
Traduzido do húngaro por F. L. PRUCSER para o Recueil marial (Florilégio Mariano) de Frei Albert Pfleger, n°10
Santa Maria.

Bento 16 cai e sofre pequena fratura no punho na Itália


Ave Maria,

Com uma pequena fratura no punho, o papa Bento 16 foi hospitalizado nesta sexta-feira após sofrer uma queda. O pontífice, de 82 anos, passava férias em uma casa de veraneio na cidade de Aosta (norte do país), na região dos alpes italianos.
Médicos informaram à imprensa que o papa realizou uma radiografia do punho e foi verificada uma pequena fratura. Apesar do susto, o pontífice chegou ao hospital de Aosta caminhando.
"Não se trata de algo grave, não é necessário se preocupar", afirmou o porta-voz da Santa Sé, Federico Lombardi.
Bento 16 passava férias na cidade de Les Combes, no Vale de Aosta, desde o começo da semana. Ele deve ficar na região até o fim de julho, quando seguirá para a residência de veraneiro de Castel Gandolfo (30 km ao sul de Roma).
O alemão Joseph Ratzinger, o 265º papa e o primeiro sumo pontífice alemão em 482 anos, está à frente da Igreja Católica desde 2005, quando foi eleito em substituição a João Paulo 2º, que morreu aos 84 anos.


Fonte: Folha online


Santa Maria.

Evangelho de hoje - Mateus 12, 1-8

Ave Maria,

1Naquele tempo, Jesus passou no meio de uma plantação num dia de sábado. Seus discípulos tinham fome e começaram a apanhar espigas para comer. 2Vendo isso, os fariseus disseram-lhe: “Olha, os teus discípulos estão fazendo o que não é permitido fazer em dia de sábado!”3Jesus respondeu-lhes: “Nunca lestes o que fez Davi, quando ele e seus companheiros sentiram fome? 4Como entrou na casa de Deus e todos comeram os pães da oferenda que nem a ele nem aos seus companheiros era permitido comer, mas unicamente aos sacerdotes? 5Ou nunca lestes na Lei, que em dia de sábado, no Templo, os sacerdotes violam o sábado sem contrair culpa alguma? 6Ora, eu vos digo: aqui está quem é maior do que o Templo. 7Se tivésseis compreendido o que significa: ‘Quero a misericórdia e não o sacrifício’, não teríeis condenado os inocentes. 8De fato, o Filho do Homem é senhor do sábado”.

Santa Maria.

Partilhando o Evangelho com a Virgem Maria

Ave Maria,

No Evangelho de hoje Jesus nos mostra que a vida humana está acima de qualquer coisa, e que fazer o bem ao próximo é a melhor forma que temos de pregar o Evangelho e de fazer verdadeiramente a vontade de Deus.

Meus queridos filhos e filhas da Virgem Maria, vamos colocar em prática esta Boa Nova de hoje, com a Virtude Ardente Caridade (PHS), pois, nos é recomendado para hoje, justamente a prática desta virtude.

Ao agir inspirados pelas virtudes da Mãe de Deus, nada mais é do que ser misericordioso com o próximo, como pede Jesus no Evangelho de hoje.

Que bom seria se todo mundo conhecesse Nossa Senhora e passasse a praticar as sua virtudes, com certeza não teríamos discriminação no mundo, com certeza o ser humano seria colocado sempre a cima de tudo.

Praticar as Virtudes da Virgem Maria, é de fato viver puramente o Evangelho, pois, não existe criatura mais misericordiosa do que Nossa Senhora. Sigamos o seu exemplo.

Santa Maria.

quinta-feira, 16 de julho de 2009

Aparição de Nossa Senhora do Monte Carmelo a Simão Stock


Ave Maria,


A Ordem do Carmelo tem raízes tão antigas quanto gloriosas; acredita-se, e com fortes razões, que esta Ordem seja a continuação da escola dos profetas, estabelecida pelo Profeta Elias no Monte Carmelo. Seus discípulos estavam em primeiro lugar, na lista dos convertidos ao cristianismo nascente, e o Carmelo tornou-se o berço da vida monástica após Jesus Cristo. Após a dispersão dos Apóstolos, no ano 38, estes construíram uma capela em honra de Maria e se dedicaram, essencialmente, a celebrar os Seus louvores. Mais tarde, enfrentaram muitos sofrimentos, por parte de sarracenos e muçulmanos, quando a França, juntamente com toda a Europa, criou as Cruzadas, com o objetivo de arrancar os Lugares Santos das mãos dos infiéis. Foi por ocasião destas adversidades, sofridas pela Ordem do Carmelo, ou Ordem do Carmo, que os Carmelitas chegaram à França, com o rei São Luis estabelecendo diversas casas naquele país, implantando a Instituição na Inglaterra, igualmente. Em 1245, São Simão Stock tornou-se o superior geral dos Carmelitas sem jamais deixar de reavivar a devoção à Maria em sua Ordem. No dia 16 de julho, ao delicado surgir da aurora, a Virgem Maria, cercada por respeitosa multidão de Anjos, apareceu-lhe, envolta em luz e vestida com o hábito do Carmelo. Colocou sobre si o escapulário da Ordem, dizendo: "Recebe, diletíssimo filho, este Escapulário de tua Ordem como sinal distintivo e a marca do privilégio que obtive para ti e para todos os filhos do Carmelo; é um sinal de salvação, uma salvaguarda nos perigos, aliança de paz e proteção sempiterna. Quem morrer com ele será preservado do fogo eterno." Essa graça especialíssima foi imediatamente difundida nos lugares onde os Carmelitas estavam estabelecidos e, autenticada, por meio de muitos milagres que, ocorrendo por toda parte, fizeram calar os adversários dos Irmãos da Santíssima Virgem do Monte Carmelo. São Simão Stock fez prodígios para confirmar a realidade desta visão. Origina-se daí a devoção do escapulário de Nossa Senhora do Carmo. O Papa Pio XII recomendou essa devoção que entende o escapulário como uma veste mariana, símbolo da proteção da Mãe de Deus. Esta foi a origem da Confraria de Nossa Senhora do Carmo (ou do Monte Carmelo), para os cristãos que, não podendo abraçar a Regra, desejam atrair para si as prometidas bênçãos do escapulário. O privilégio mais considerado, acordado à confraria, além deste que Maria revelou a São Simão Stock, foi revelado ao Papa João XXII: a promessa da libertação do Purgatório, logo no primeiro sábado após a morte, para os confrades do Monte Carmelo, fiéis ao espírito e às regras da Confraria. Além destes dois privilégios, numerosas indulgências são associadas ao escapulário.

Segundo o Abade L. Jaud, Vie des Saints pour tous les jours de l'année (Vida dos Santos para cada dia do ano), Tours, Mame, 1950


Santa Maria.

Devoção a Maria, a Mãe de Deus


Ave Maria,




Entre os santos de Deus está, em primeiro lugar, Maria, a mãe de Jesus (Mateus 2,1; Marcos 3,32; Lucas 2,48; João 19,25). É, portanto, com a Bíblia na mão, que louvamos Maria, chamando-a de bem-aventurada. Nós, cristãos católicos, veneramos Maria porque Deus a escolheu para ser a mãe de seu filho Jesus, nosso único redentor e salvador.

O culto a Maria está fundado na Palavra de Deus, que afirma: ”Isabel, cheia do Espírito Santo, exclamou: bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto do teu ventre”. Maria recebeu de Deus a plenitude da graça e, por esta razão, é saudada pelo Anjo como “cheia de graça” (Lucas 1,28). A mesma Maria, reconhecendo sua pequenez de serva agraciada por Deus, reconhece: “Todas as gerações me chamarão de bem-aventurada”(Lucas 1,48). Durante toda a vida, até a última provação, quando Jesus seu filho morre na cruz diante dela, sua fé não vacilou. Maria não cessou de crer no cumprimento da Palavra, das promessas de Deus. Por isso, a Igreja venera em Maria a realização mais pura da fé (CIC 149).

Nós amamos o Filho de Maria, Jesus Cristo, ”autor e consumador da fé“ (Hebreus 12,2). Devemos , portanto, amar sua mãe, sua fiel discípula, a primeira que nele acreditou, dando sua adesão ao plano de Deus, quando o Anjo lhe anunciou que seria mãe do Salvador. A devoção à Virgem Maria é “intrínseca ao culto cristão” (Vaticano II – LG 62). Porém, o culto à Maria, mesmo sendo inteiramente singular, difere essencialmente do culto que se presta à Santíssima Trindade. Ao Deus Uno e Trino Pai, Filho e Espírito Santo, nós adoramos; enquanto a Maria, nós veneramos.

Este culto de veneração toda especial à Maria se justifica porque ela é reconhecida como “Mãe do meu Senhor” (Lucas 1,43). O concílio de Éfeso, no ano 431, reconheceu Maria como Mãe de Deus: Mãe de Jesus, Deus encarnado. Por isso, a igreja assim a venera com especial devoção. Para Maria damos inúmeros títulos: Nossa Senhora das Graças, de Lourdes, Aparecida, de Fátima, do Carmo, da Penha... Mas é sempre a mesma Maria de Nazaré, a Mãe de Jesus que a Bíblia nos apresenta toda de Deus (Lucas 1,38), toda do povo (Lucas 1,39-56), orando com a Igreja (Atos 1,14). Foi Jesus que, morrendo na cruz, entregou sua mãe à Igreja, na pessoa do discípulo João que, junto com Maria, estava aos pés da cruz: “Eis aí tua mãe” (João 19,27). E o discípulo a levou para sua casa. A casa do discípulo, nós sabemos, é a comunidade, a Igreja. Maria é, portanto, presença materna na comunidade dos que acreditam em Jesus.

O exemplo de Maria não afasta de Jesus, pelo contrário, arrasta a humanidade para a adoração de seu filho: “Fazei tudo o que Ele vos disser” (João 2,5). Eis o que nos ensina Maria, é sua última palavra na Bíblia, é o seu testamento. Maria faz eco à Palavra do Pai, quando da transfiguração de Jesus: “Este é o meu filho amado, que muito me agrada. Escutem o que ele diz“ (Mateus 17,5). Concluímos que o culto à Maria é bíblico, nele não há idolatria. A devoção à Maria nos leva a Jesus, à comunhão com Ele. Jesus é a meta de toda devoção mariana. A alegria de Maria é que aceitemos e sigamos Jesus, como assim ela o fez. Maria não é o centro da fé, o centro é Jesus. Porém, Maria faz parte do centro da fé, porque faz parte, de forma única, da vida de Jesus. Mãe e Filho estão ligados no plano de Deus e não podem ser separados; não se pode reconhecer o Filho e não reconhecer a Mãe. Aceitemos a vontade de Deus, aceitemos o presente que Ele nos dá: MARIA.

Fonte:
Maria do Carmo Hakim Silva
Membro da Comunidade Católica de Aliança Jesus te Ama

Santa Maria.

Nossa Senhora do Carmo

Ave Maria,

No dia 16 de julho, celebra-se na Igreja Católica, a memória de Nossa Senhora do Carmo, um título da Virgem Maria que remonta ao século XIII, quando, no monte Carmelo, Palestina, começou a formar-se um grupo de eremitas. Estes, querendo imitar o exemplo do profeta Elias, reuniram-se ao redor de uma fonte chamada "fonte de Elias", e iniciaram um estilo de vida que, mais tarde, se estenderia ao mundo todo. Devido ao lugar onde nasceu, este grupo de ex-cruzados e eremitas foi chamado de "carmelitas". A história nos assegura que os eremitas construíram também uma pequena capela dedicada à Nossa Senhora que, mais tarde, e pela mesma circunstância de lugar, seria chamada de "Nossa Senhora do Carmo" ou " Nossa Senhora do Carmelo". Os carmelitas viram-se obrigados a emigrar para a Europa, para continuar a própria vida religiosa e lutar por seu espaço entre as várias ordens mendicantes. O título de Nossa Senhora do Carmo está unido ao "símbolo do escapulário".

A presença de Maria com o nome de Nossa Senhora do Carmo foi se espalhando por toda a Europa, e esta devoção foi levada para a América Latina, na primeira hora da evangelização. É difícil encontrar uma diocese latino-americana que não tenha, pelo menos, uma igreja dedicada a Nossa Senhora do Carmo. Não somente são igrejas matrizes ou catedrais dedicadas a Maria, sob o título de Nossa Senhora do Carmo, mas também lugarejos, capelas, oratórios etc. Isso prova como esta devoção saiu dos âmbitos restritos dos conventos carmelitanos e se tornou propriedade do povo e da Igreja Universal, como diz o Papa João Paulo II, em sua carta dirigida aos Superiores Gerais do "Carmelo da Antiga Observância e do Carmelo Descalço".

Esta devoção, enraizada no coração do povo, está sendo resgatada, e os devotos de Nossa Senhora do Carmo aumentam cada vez mais.

Texto: Cônego Pedro Carlos Cipolini - Doutor em Teologia (Mariologia); professor titular da PUC–Campinas; membro da Academia Marial de Aparecida

Fonte:
Maria do Carmo Hakim Silva
Membro da Comunidade Católica de Aliança Jesus te Ama

Santa Maria.

Nossa Senhora do Carmo (Memória Facultativa)

Ave Maria,

A festa da Padroeira da Ordem Carmelita foi, inicialmente, a da Assunção da Bem-Aventurada Virgem Maria, a 15 de agosto. Entretanto, entre 1376 e 1386, surgiu o costume de celebrar uma festa especial em honra de Nossa Senhora, para comemorar a aprovação da regra pelo Papa Honório III, em 1226. Esse costume parece ter-se originado na Inglaterra. E a observância da festa foi fixada para o dia 16 de julho, que é também a data em que, segundo a tradição carmelita, Nossa Senhora apareceu a São Simão Stock e lhe entregou o escapulário. No início do século XVII, ela se transformou em definitivo na “festa do escapulário”, e logo começou a ser celebrada também fora da Ordem e, em 1726, espalhou-se por toda a Igreja do Ocidente, por obra do Papa Bento XIII. No próprio da missa, o dia não se faz menção do escapulário ou da visão que teve São Simão; porém, ambos os fatos são mencionados nas leituras do segundo noturno das Matinas. E o escapulário de Nossa Senhora é mencionado no prefácio especial usado pelos carmelitas, nesta festa.

A ordem dos carmelitas, uma das mais antigas na história da Igreja, embora considere o profeta Elias como o seu patriarca modelo, não tem um verdadeiro fundador, mas tem um grande amor: o culto a Maria, honrada como a Bem-Aventurada Virgem do Carmo. “O Carmo – disse o cardeal Piazza, carmelita – existe para Maria e Maria é tudo para o Carmelo, na sua origem e na sua História, na sua vida de lutas e de triunfos, na sua vida interior e espiritual”. Elias e Maria estão unidos numa narração que tem sabor de lenda. Refere o livro das instituições dos primeiros monges: “Em lembrança da visão que mostrou ao profeta a vinda desta Virgem sob a figura de uma pequena nuvem que saia da terra e se dirigia para o Carmelo (cf. 1Rs 18,20-45), os monges, no ano 93 da Encarnação do Filho de Deus, destruíram sua antiga casa e construíram uma capela sobre o monte Carmelo, na Palestina, perto da fonte de Elias em honra desta primeira Virgem voltada a Deus.

Expulsos pelos sarracenos no século XII, os monges que haviam entretanto recebido do patriarca de Jerusalém, santo Alberto, uma regra aprovada em 1226 pelo Papa Honório III, se voltaram ao Ocidente, e aí na Europa fundaram vários mosteiros, superando várias dificuldades, nas quais, porém, puderam experimentar a proteção da Virgem. Um episódio em particular sensibilizou os devotos: “Os irmãos suplicavam humildemente a Maria que os livrasse das insídias infernais. A um deles, Simão Stock, enquanto assim rezava, a Mãe de Deus apareceu acompanhada de uma multidão de anjos, segurando nas mãos o escapulário da ordem e lhe disse: Eis o privilégio que dou a ti e a todos os filhos do Carmelo: todo o que for revestido deste hábito será salvo”.

Os críticos consideram espúria, isto é, não autêntica, a bula de João XXIII em que se fala deste privilégio sabatino de ficar livres do inferno e do purgatório no primeiro sábado após a morte, mas muitos papas têm falado disso em sentido positivo. Numa bula de 11 de fevereiro de 1950, Pio XII convidava a “colocar em primeiro lugar, entre as devoções marianas, o escapulário que está ao alcance de todos”: entendido como veste Mariana, esse é de fato um ótimo símbolo da proteção da Mãe celeste; enquanto sacramental, extrai o seu valor das orações da Igreja e da confiança e amor daqueles que o usam.

Fonte:
Maria do Carmo Hakim Silva
Membro da Comunidade Católica de Aliança Jesus te Ama

Santa Maria.

Nossa Senhora do Carmo e o Escapulário

Ave Maria,

A palavra Carmo corresponde ao Monte do Carmo ou Monte Carmelo, que significa Jardim, na Palestina (Terra Santa). Uma montanha com 25 quilômetros de comprimento e 12 de largura. A ordem dos carmelitas venera com muito carinho o profeta Elias, considerado seu patriarca modelo, e a Virgem Maria, venerada com o título de Bem-Aventurada Virgem do Carmo.
Um livro muito antigo da ordem comenta a visão de Elias mostrando a Virgem dirigindo-se ao Monte Carmelo, em forma de uma nuvem que saía da terra. (I Reis 18:20,41). Os monges, no ano 93 d.C., construíram no Carmelo uma capela à Virgem. Aquela região, na época, estava sob disputa entre as populações locais pelo domínio da região, e os monges foram expulsos de lá, no século 13.

Quando foram expulsos, espalharam-se pelo Ocidente e fundaram vários mosteiros. Pouco tempo depois, em 1226, os carmelitas apresentam o pedido de aprovação do papa Honório III, que o concede oficialmente pela Igreja Católica de Roma.

Novas perseguições os cristãos sofrem em 1235. Desta vez, os carmelitas dividem-se em dois grupos: Os que permaneceram no Monte Camelo: estes foram massacrados e o mosteiro incendiado, e os que se refugiaram na Sicília, em Creta, na Itália e Inglaterra no ano de 1238; lá fundaram o Mosteiro de Aylesford; também não foram aceitos pelos religiosos e eclesiásticos.

Para os religiosos ingleses, esta seria mais uma comunidade no meio de tantas outras, e também o modo de vida que levavam não condizia com os costumes locais: levar uma vida monástica dentro de uma cidade inglesa. Preocupado com as hostilidades sofridas naquele momento, o prior dos Carmelitas, Simon Stock, considerado pela devoção e amor à Mãe do Carmelo, na noite de 16 de julho de 1251, em oração fervorosa à Virgem Maria, pede por ajuda e proteção, rezando:
"Flor do Carmelo, vide florida.Esplendor do Céu.Virgem Mãe incomparável.Doce Mãe, mas sempre Virgem,Sede propícia aos carmelitas,Ó Estrela do Mar."
Uma visão do frade carmelita Simão Stock mostrava a Virgem Maria cercada de anjos, segurando nas mãos o escapulário da ordem e dizendo:

"Recebe, meu filho, este Escapulário da tua Ordem, como sinal distintivo da minha confraria e selo do privilégio que obtive para ti e para todos os Carmelitas. O que com ele morrer, não padecerá o fogo eterno. Este é um sinal de salvação, uma salvaguarda nos perigos e prenda de paz e de aliança eternas".

Fonte:
Maria do Carmo Hakim Silva
Membro da Comunidade Católica de Aliança Jesus te Ama

Santa Maria.

O que é o escapulário?

Ave Maria,

A palavra escapulário vem do latim “escapula” que significa armadura, proteção. A função do escapulário na história da Igreja é muito parecida com a do rosário, constituindo-se numa das mais antigas e populares formas de devoção à Virgem Maria.

O uso do escapulário é um sinal de confiança em Nossa Senhora, para que ela cubra de graças aquele que o usa e o proteja de todos os perigos espirituais e corporais. O escapulário do Carmo é um sacramental, quer dizer, segundo o Concílio Vaticano II, "um sinal sagrado, segundo o modelo dos sacramentos, por meio do qual se significam efeitos, principalmente espirituais, obtidos pela intercessão da Igreja".

O escapulário é um sacramental, ou seja, uma realidade visível, que nos conduz a Deus, com sua graça redentora, seu perdão e promessas. Santa Tereza (reformadora da Ordem das freiras carmelitas juntamente com São João da Cruz) dizia que portar o escapulário era estar revestido com o hábito de Nossa Senhora.

Setenta anos mais tarde, aparece a Virgem ao Papa João XXII, confirma esta promessa e acrescenta outra, chamada a do privilégio sabatino, em que, mediante determinadas condições, a alma do confrade Carmelita será livre do Purgatório se lá estiver, no sábado a seguir à sua morte.

Os Soberanos Pontífices consideram como pertencentes à Ordem do Carmo, todos os que recebem o seu escapulário. Para que todos possam usufruir as graças inerentes ao Escapulário, Sua Santidade, o Papa PIO X, em 16 de Dezembro de 1910, concedeu que o Escapulário, uma vez imposto, pudesse ser substituído por uma medalha que tenha de um lado Nossa Senhora sob qualquer invocação (Carmo, das Dores, da Conceição, de Fátima etc.) e do outro lado, o Coração de Jesus, e benzida com o simples sinal da cruz, na intenção de substituir este Escapulário.


Em 28 de Janeiro de 1964, o Papa Paulo VI concedeu ainda que todos os Sacerdotes pudessem impor o Escapulário e substituí-lo pela respectiva medalha, pois até aí era um privilégio dos Padres Carmelitas e de outros Sacerdotes que o pedissem à Santa Sé, e nisto se mostra o desejo da Santa Igreja de que todos o tragam.

Fonte:
Maria do Carmo Hakim Silva
Membro da Comunidade Católica de Aliança Jesus te Ama

Santa Maria.

Condições

Ave Maria,

Para a 1ª graça (ser livre do fogo do Inferno, a mais importante de todas): Ter recebido este Escapulário imposto pelo Sacerdote e trazê-lo, ou a medalha que o substitui. Morrer com ele ou com a medalha, o que significa que se saiu deste mundo em estado de graça santificante.
Para a 2ª graça (isto é, o privilégio sabatino: ser liberto do Purgatório no primeiro sábado, depois da morte, se para lá se foi): Além das condições para a primeira graça, que é a mais importante, guardar ainda a castidade própria de cada estado, que, aliás, já é obrigatória para todos por mandamento divino; rezar, sabendo ler, todos os dias, o pequeno Ofício de Nossa Senhora, ou, não sabendo, abster-se de comida de carne nas quartas-feiras e sábados. Estas obrigações podem ser comutadas (a reza do Ofício e da abstinência de comida de carne) por um Sacerdote, o que impôs o Escapulário ou o Confessor, por outra obra pia, por exemplo: a reza de 7 (sete) Pai-Nossos, 7 Ave Marias e 7 (sete) Glórias, ou pela reza do Terço ou por outra mais fácil. Quem reza o Terço todos os dias, esse vale sem ser preciso mais nada, podendo aplicá-lo por todas as intenções de costume. O Sacerdote que reza o Ofício divino, também já cumpre, sem ser preciso outra comutação. Aos homens e às crianças, que normalmente rezam menos que as mulheres, pode-se comutar por 3 Ave Marias, rezadas diariamente. Assim aconselha o Santo Padre Cruz, que foi um grande Apóstolo do Escapulário.

Fonte:
Maria do Carmo Hakim Silva
Membro da Comunidade Católica de Aliança Jesus te Ama

Santa Maria.

Quem o pode receber?

Ave Maria,

Todos os Católicos que o peçam, o podem receber, imposto por um Sacerdote. Podem-no receber ainda as crianças batizadas, mesmo inconscientes, e os doentes destituídos dos sentidos, pois, parte-se do princípio que, se conhecessem o seu valor, o quereriam receber. É ótimo o costume de o por logo no dia do Batismo.
O Escapulário é de tecido de lã de cor castanha ou preta, mas o mais comum é o de cor castanha. O Escapulário, uma vez benzido, não precisa de nova bênção quando se substitui por outro; a medalha sim, precisa de nova bênção. O valor do Escapulário está no tecido de lã com a bênção própria, e não nas imagens que costuma ter. Pode ser lavado, podem-se mudar os cordões, pode ser revestido de plástico para não sujar etc. Devemos andar sempre com ele ou com a medalha, e, sobretudo, tê-lo à hora da morte. Nunca o deixemos, mesmo ao tomar o banho. Quem o recebeu e deixou de trazê-lo consigo, basta que comece de novo a usá-lo, ou à medalha, sem precisar de nova imposição. Sua Santidade Pio X concedeu que os militares em campanha pudessem impor a si próprios o Escapulário ou a medalha, uma vez benzidos pelo Sacerdote, e que tendo acabado a sua missão, continuem a usufruir todas as graças e privilégios a ele inerentes, sem o terem de receber de novo. Certamente que o Escapulário não dispensa os Sacramentos, que são os meios instituídos por Nosso Senhor como via normal para nos santificar, nem dispensa das práticas das virtudes. Não coloca no Céu as almas em pecado mortal, mas ajuda a bem receber os Sacramentos e à conversão da alma e a perseverar no bem. Ajuda a sair do estado de pecado mortal, onde houver um mínimo de boa vontade. O Escapulário do Carmo é um dom misericordioso do Céu, obtido por intercessão da Mãe da Misericórdia, já que os justos e os pecadores custaram o Sangue de Jesus e as Lágrimas e Dores de Maria Santíssima.

Fonte:
Maria do Carmo Hakim Silva
Membro da Comunidade Católica de Aliança Jesus te Ama

Santa Maria.

Alguns exemplos

Ave Maria,

Proteção nos perigos - Há alguns anos, três mocinhas foram passar uma tarde na praia da Costa de Caparica (Portugal). Era um tempo em que as roupas de banho e as praias não tinham descido à degradação dos tempos atuais. Todas tinham o Escapulário do Carmo e nenhuma sabia nadar. Só uma persistiu em levá-lo, as outras, por respeito humano, tiraram-no. Brincavam alegres à beira da água, quando uma onda perdida sobreveio inesperadamente e as levou. O povo acorreu em grande gritaria. Surge outra onda que deposita na praia uma delas, precisamente a que levava o Escapulário e se salvou. As outras duas pereceram. Os seus corpos foram encontrados já em estado de putrefação depois de três dias, junto ao Cabo de Espichel.
Proteção contra o demônio - Assisti um dia aos exorcismos feitos por um Sacerdote sobre um rapaz possesso do demônio. O diabo foi obrigado a confessar que se aquele rapaz tivesse recebido antes o Escapulário, não poderia ter entrado nele.
Livra do Inferno - Fui chamado para dar os últimos Sacramentos a um homem que tinha alta patente na Maçonaria, que dissera a um amigo meu: "Quem me dera ver-me livre da Maçonaria". Rezava todos os dias com os netos. Tinha recebido o Escapulário em pequeno, pois fora aluno dos Padres Jesuítas, que o impunham sempre. Cheguei, dei-lhe os Sacramentos e impus-lhe o Escapulário, pois não o trazia consigo. Começou aos urros, como um leão preso na jaula e a cama rangia fortemente. Depois, tudo acalmou. Não duvido moralmente da salvação eterna desta alma.
A um outro doente, com fama de muita virtude e a quem visitei, pus-lhe o Escapulário. Pediu-me logo para se confessar. Tinha passado a vida cometendo sacrilégios, pois tinha vergonha de confessar os seus desmandos sexuais. Morreu santamente, louvando cheio de alegria a Misericórdia Divina.
E tantos e tantos são os prodígios que teria para contar! Ah! Recebamos todos o Escapulário do Carmo, porque ele é dádiva misericordiosa de Maria, obtida do seu Filho Jesus! O Escapulário, o Terço e a Devoção ao Coração Imaculado de Maria fazem parte da Mensagem de Fátima. Tantos Papas e tantos Santos têm falado dele, que será tristeza, para não se dizer loucura, não lhe ter apreço. Leão XIII beijava-o repetidas vezes na agonia. Pio XII trazia-o desde a infância, e queria que todos o soubessem. João XXIII e Paulo VI consideram-no como grande graça concedida ao mundo. P. O. J. R.

Fonte:
Maria do Carmo Hakim Silva
Membro da Comunidade Católica de Aliança Jesus te Ama

Santa Maria.

Imposição do Escapulário por um sacerdote

Ave Maria,

- Senhor Jesus Cristo, Salvador dos homens, † abençoai este hábito de Nossa Senhora de Carmo, que, como sinal de Consagração a Maria, vai ser imposto ao vosso servo, para que pela intercessão de Maria Santíssima, possa alcançar maior plenitude de graça. (Asperge o Escapulário com água benta)

[IMPOSIÇÃO:] - Recebe este santo hábito para que, trazendo-o com devoção, te defenda do mal, e te conduza à vida eterna. - Amém. (Coloca-o ao pescoço de cada pessoa)

- Participas desde este momento de todos os bens espirituais, de que gozam os religiosos do Carmo, em Nome do Pai † e do Filho e do Espírito Santo. - Amém.

- O Senhor que se dignou admitir-te entre os confrades do Carmo, † te abençoe; e mediante este sinal de Consagração, te faça forte na luta desta vida, e te conduza à felicidade eterna. Por Nosso Senhor Jesus Cristo. - Amém. (Asperge o Confrade com água benta)[Com Aprovação eclesiástica]

"Eu também levo no meu coração, há tanto tempo, o Escapulário do Carmo! Por isso, peço à Virgem do Carmo que nos ajude a todos os religiosos e as religiosas do Carmelo e os piedosos fiéis que a veneram filialmente, para crescer em seu amor e irradiar no mundo a presença desta Mulher do silêncio e da oração, invocada como Mãe da misericórdia, Mãe da esperança e da graça".
João Paulo II

Sempre que você encontrar-se diante de uma situação DIFÍCIL, onde suas forças e seus conhecimentos não são capazes de RESOLVER, não entre em desespero. Peça ajuda a Nossa Senhora do Carmo.
ORAÇÃO - Senhora do Carmo, Rainha dos Anjos, canal das mais ternas mercês de Deus para com os homens. Refúgio e Advogada dos pecadores, com confiança eu me prostro diante de vós suplicando-vos que obtenhais...... (pede-se a graça). Em reconhecimento, solenemente prometo recorrer a vós em todas as minhas dificuldades, sofrimentos e tentações, e farei tudo que ao meu alcance estiver, a fim de induzir outros a amar-vos, reverenciar-vos e invocar-vos em todas as suas necessidades. Agradeço-vos as inúmeras bênçãos que tenho recebido de vossa mercê e poderosa intercessão. Continuai a ser meu escudo nos perigos, minha guia na vida e minha consolação na hora da morte. Amém. Nossa Senhora do Carmo, advogada dos pecadores mais abandonados, rogai pela alma do pecador mais abandonado do mundo. Ó Senhora, rogai por nós, que recorremos a vós.

Fonte:
Maria do Carmo Hakim Silva
Membro da Comunidade Católica de Aliança Jesus te Ama

Santa Maria.

Evangelho de hoje - Mateus 12, 46-50

Ave Maria,

Naquele tempo, 46enquanto Jesus estava falando às multidões, sua mãe e seus irmãos ficaram do lado de fora, procurando falar com ele. 47Alguém disse a Jesus: “Olha! Tua mãe e teus irmãos estão aí fora, e querem falar contigo”.48Jesus perguntou àquele que tinha falado: “Quem é minha mãe, e quem são meus irmãos?” 49E, estendendo a mão para os discípulos, Jesus disse: “Eis minha mãe e meus irmãos. 50Pois todo aquele que faz a vontade do meu Pai, que está nos céus, esse é meu irmão, minha irmã e minha mãe”.

Santa Maria.

Partilhando o Evangelho com a Virgem Maria

Ave Maria,


Claramente o Evangelho de hoje nos mostra que todo aquele que fizer a vontade de Deus, este será considerado seu filho, como também irmão de Jesus. Agora vejamos o seguinte: se somos Filhos de Deus, logicamente irmãos de Jesus, então consequentemente também somos filhos de Nossa Senhora, pois verdadeiramente ela é a Mãe Dele. Sendo assim, eu me dirijo ao meu irmão "evangélico protestante" dizendo que, por mais que você não queira, somos todos realmente filhos e filhas da Virgem Maria. A não ser que você não queira ser irmão nem irmã de Jesus e por graça divina, Filho ou Filha de Deus!



Meus queridos filhos e filhas da Virgem Maria, fazer a vontade de Jesus que é a vontade de Deus, é também acolher a sua Mãe, pois, quem gosta do Filho, também deve gostar da Mãe, é assim na ordem natural, quanto mais na ordem da graça. O que custa para você aceitar aquela que doou a própria vida para que Deus tenha se encarnado na pessoa de Jesus.



E você que ainda tem o coração duro em amar a Mãe de Jesus, procure ao longo deste dia pelo menos tentar ser manso e humilde de coração, em outras palavras, tente praticar a Pureza Divina (PHS) da Virgem Mãe de Deus, a qual foi a criatura que mais fez a vontade do Pai que está no Céu, e com certeza o seu coração duro amolecerá.



Como o próprio Jesus Cristo nos pede: sejamos mansos e humildes de coração e o Reino de Deus será nosso! Assim Seja.


Santa Maria.

quarta-feira, 15 de julho de 2009

Ultrapassamos os 5000 ACESSOS

Ave Maria,

É festa, é festa, é festa em nossa Comunidade, ultrapassamos a barreira dos cinco mil filhos e filhas da Virgem Maria acessando o nosso BLOG. Um canal de interação entre a Fraternidade e todos aqueles que gostam e sentem a necessidade da presença diária da Mãe de Jesus em sua vida, além é claro de visitar a Fraternidade diariamente ainda que por este meio eletrônico, o qual já faz parte do nosso cotidiano. Nós que fazemos a Fraternidade Discípulos da Mãe de Deus queremos agradecer a todos aqueles que fizeram com que este número chegasse em tão pouco tempo, a esta quantidade, pois, é justamente por causa de vocês que este BLOG tem sentido, uma vez que, sem a participação do leitor internauta jamais teríamos chegado a este número. E isso é graça de Deus, além do que, nos fortalece mais ainda para continuarmos firmes e fortes na missão. Saibam vocês que tudo isso se deve ao amor que juntos temos por Nossa Mãe, Maria Santíssima. Espero que todos possam continuar acessando, comentando e nos ajudando a mais e mais melhorar o BLOG que não é apenas da Fraternidade, e sim de todos nós que amamos esta tão importante Comunidade na vida de cada um de nós. E para encerrar gostaria apenas de falar o seguinte: para nós que fazemos o BLOG tem sido um prazer, e não um fardo como alguns poderiam até imaginar. Também saibam que esta missão que começou tão simples, a qual não imaginaríamos que tomasse tal proporção, pois, já tem gente da Itália que segue o nosso BLOG diariamente, se tornasse tão importante na vida de muitas pessoas. Saibam ainda que; o combustível, a vitamina, o alimento que nutre este nosso apostolado, é justamente o acesso que vocês fazem diariamente, como também, saber que realmente tem alguém do outro lado interessado nos humildes serviços que aqui são prestados e ao mesmo tempo tão importantes na vida de cada um de nós. Continuem acessando o nosso BLOG, e que a Virgem Maria seja realmente o canal de graças e bênçãos que te levará a um contato intimo com seu Filho Jesus Cristo, Nosso Senhor e Mestre.

Santa Maria.